Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2015

Festinha de aniversário em casa

Na minha época (pule essa parte) de criança, as festinhas de aniversário tinham outro clima. As mamães colocavam mesmo a mão na massa, a casa ficava com cheiro de brigadeiro, e os familiares e amigos disputavam um lugar ao lado da mesa do bolo na hora de cantar os parabéns e tirar foto. 
Com a "mudernidade" (como se diz por aí), os pais começaram a investir em mega festas de aniversário, gastando como num casamento, por exemplo. Só que agora, com a crise que se instalou no Brasil, parece que as mães estão buscando mais inspirações no modo "estrangeiro" de comemorar. É tendência personalizar a festa, cuidar de cada detalhe e usar recursos artesanais. Tudo isso junto garante resultados criativos, desde a definição do cardápio até a decoração. 
Encantada com esse conceito de comemoração, trago hoje uma inspiração bacana de festa em casa. E a ideia veio de loooonge... Adriana mora na Alemanha há 8 anos com o marido e tem dois filhos, Matteo (3 anos) e Gustavo (6 anos). P…

Diário do Bebê - Tô batendo palminhas

De uns tempos para cá, mamãe começou a cantar parabéns para mim todos os dias. Ela ficou toda feliz porque já sei bater palminhas. Tenho nove meses e acho que ela está me preparando para o meu aniversário de 1 ano, em dezembro. Ela e o papai até filmaram a minha gracinha e agora querem que todo mundo veja que eu aprendi. Parece até que essa música é a predileta deles agora. 
Os dois também dão risada quando me chamam pelo meu nome e eu olho ou quando fico em pé sozinha, sem segurar em nada, e me equilibro por alguns segundos. A mamãe está me treinando para andar. Pezinho pra frente. Outro pezinho pra frente. Eu sempre dou risada. É interessante esse movimento novo. 


Estou mais grudadinha com meus pais e sou completamente apaixonada pelo papai. Se ele chegar e não me pegar logo no colo eu choro muito. A mamãe acha que eu sinto muita saudade dele, porque ele sai para trabalhar, mas também sabe o motivo de eu querer ficar coladinha nele: o papai é muito fofo! Quando eu fico em casa só com …

Dezessete maneiras criativas de comunicar a gravidez ao novo papai

A gravidez é um momento muito importante na vida do casal. E a notícia pode ser dada também de maneira bem especial! Quer contar ao novo papai a grande descoberta de forma carinhosa e criativa? Então veja aí quanta inspiração. Selecionei ideias para todos os estilos!
1.  Entregue a ele um livro com dicas de como cuidar do bebê ou de significados de    nomes, num embrulho bonito, e o teste de gravidez dentro. 2.Envie um e-mail com o resultado do exame quando ele estiver no trabalho. Peça a um colega dele para filmar a reação - provavelmente será um grande susto e o novo papai não vai mais conseguir se concentrar nas atividades. O vídeo vai ser um registro divertido e interessante. 3.Faça um fundo de tela para o computador dele com a frase: “Olá, papai!”. 4.Amarre uma chupeta na coleira do cachorro de vocês, junto com o resultado do teste de farmácia. 5.Prepare um jantar especial e entregue a ele uma caixa com um par de sapatinhos, acompanhado de um cartão parabenizando o novo papai. 6.Quando…

Disney para toda a família!

Hoje na coluna Viagem em Família tem o relato da mamãe Deise Meneses, que foi com o filhote (Roger, 5 anos), o marido (Marcelo), os sobrinhos e cunhados para a Disney em agosto deste ano. Pense na empolgação dela? Com certeza foi uma viagem "mais que perfeita", como ela define. Vamos pra lá junto com eles?



"Quando resolvemos tirar férias, decidimos que a Disney seria o lugar ideal para toda a família, porque realizaríamos um sonho de muito tempo e junto com Roger. Acertamos na escolha! Vivemos momentos inesquecíveis. Roginho, a cada brinquedo, uma vibração... Fomos à quatro parques em Orlando, cada um com seu encanto. Sobre o Sea World, não tenho palavras para descrever o espetáculo das baleias... Os olhos brilhavam e o coração gritava de alegria: 'Estamos na Disneeeeey!!!'. No Universal, a atração que marcou a gente foi o simulador em 4D do Harry Potter, sensação mágica de voar com ele, como se fosse no filme... sensacional! O Hollywood Studios foi o parque que …

Mãe paga mico

Estávamos ali no playground. Ela, fantasiada de branca de neve; os fotógrafos, concentrados no trabalho; e eu, tentando tirar dela o melhor sorriso, ou seja, pagando mico... Tinha gente ao redor do pequeno cenário que montamos, assistindo à sessão de fotos e, obviamente, vendo essa mãe aqui, toda serelepe, batendo palminhas e cantando músicas da Galinha Pintadinha para a filha achar graça e sair linda nas fotos. Pois é, não tem pra onde correr. Além de cuidar e amar incondicionalmente, mãe também faz papel de palhaça.

Essa semana, por exemplo, fiquei balançando a cabeça para ela gargalhar durante uma filmagem do papai. Deu até tontura depois. E o meu vizinho de porta? Com certeza me ouve tagarelando bobagens com voz de criança. E os moradores do prédio ao lado? Aaaaah! Quantas vezes me viram ensaiando umas dancinhas ridículas engraçadas? E no shopping? Já fiz inúmeras caretinhas para amenizar pequenas insatisfações da baby. E por aí vai... A gente perde a conta...

E mais! Os micos conti…

Necessidades consumistas criadas para os pequenos

Estava fazendo uma arrumação nos armários de casa e encontrei o livro “Casais Inteligentes Enriquecem Juntos”. Passando algumas páginas, acabei me concentrando na parte que fala sobre como economizar com os filhos. Dentre as dicas do autor, achei superinteressante a de não viciar os filhos em produtos ou lazeres dispensáveis. Um exemplo foi o dos pais que apresentam aos pequenos o famoso “lanche do palhaço”, sem que eles tenham pedido, criando o hábito semanal de consumo do que não é bom para saúde nem para o bolso. Concordo plenamente.
Concordo também com uma mãe que conheço. Ela foi criticada por não deixar o filho abrir de uma só vez todos os (muitos) brinquedos que ganhou de aniversário. A maior parte dos presentes foi guardada, ainda nos embrulhos. Aos poucos, com o passar do meses, as caixas foram sendo oferecidas ao menino. O que, de fato, um pirralhinho faria com aquela montanha de brinquedos ao mesmo tempo? Criança enjoa rápido de tanta fartura! Acho importante criar os filhos…

DanoNÃO!

Quando a dieta dos bebês começa a ficar mais "incrementada", muitas mamães oferecem a eles o Danoninho como lanche ou sobremesa. O famosinho já entrou e saiu da minha lista de supermercado. Antes de comprar para minha filha, resolvi pesquisar sobre o produto e encontrei informações pouco animadoras. Decidi que não vou incluir tão cedo no cardápio da minha baby o iogurte que não é iogurte! É!!! Você não sabia? Nem eu! Olha como a gente tem mania de não ler direito o rótulo dos alimentos que consome, né? O Danoninho é um petit suisse, um queijinho!!! 
Fui até o site do fabricante para verificar a composição do Danoninho e constatei que, além de outros ingredientes, ele contém aromatizante, corantes, conservantes e muito açúcar. Se quiser também conferir, clique AQUI.

Consultei ainda a cartilha "Dez passos para uma alimentação saudável - Guia alimentar para crianças menores de dois anos (um guia para o profissional da saúde na atenção básica)", material produzido pelo M…

Oito vantagens de uma gravidez planejada

Sempre quis ser mãe. Sabia que só me sentiria completa assim. E, ao mesmo tempo, sempre pensei em planejar a chegada de um filho. Listei alguns sonhos e aos poucos os itens "riscados" foram me aproximando da maternidade. Sabe aquela história do relógio biológico? Pois é. Em paralelo à lista, comecei a ficar ainda mais sensível para questões e situações envolvendo crianças, e percebi que já estava na hora de cuidar de um pirralhinho. Quero, então, compartilhar com você a minha experiência de gravidez planejada, porque não rolou medo (só um pouquinho) e frustração.  

1. Queria me casar antes de ser mãe. Encontrei o meu príncipe encantado (te amo, Bu Bis!) e subimos ao altar em 2010. Acredito na importância da família para a criação de um filho, sabe?
2. Adquirimos bens materiais que consideramos importantes para a acolhida do nosso filhote, como um carro maior e apartamento próprio (compramos na fase do noivado).

3. O tempo que tivemos a sós foi fundamental para fortalecer a noss…

Batalha de Fraldinhas e Outras Dicas

Mamãe/gravidinha, hoje trago para você uma comparação entre as fraldinhas que já experimentei com minha bebê. Coloquei em jogo modelos das marcas Huggies (Turma da Mônica) e Pampers. Vamos lá? 






Aqui estão mais algumas dicas legais:
1. Mesmo que a indicação do fabricante seja de tamanhos iguais, os modelos da Turma da Mônica são menores que os da Pampers. Se você tiver das duas, use primeiro as fraldas da Mônica. Para se ter uma ideia, na mesma fase, minha filha chegou a usar M da Mônica e P da Pampers. 
2. Se você tem receio dos vazamentos, principalmente à noite, vista um body no bebê. Esse tipo de roupinha ajuda a "segurar" a fraldinha no lugar.
3. O bebê fez cocô? Lave o bumbum com sabonete adequado para pele delicada (gosto muito do sabonete líquido glicerinado da Granado) e em água corrente. Se o bebê não achar ruim e a água não estiver gelada (fria pode!), aproveite a torneira do banheiro mesmo! Comentei sobre isso com alguns pediatras e eles acham ótimo! Minha bebê, por e…

Sapatinhos de festa e quatro pensamentos sobre mudanças na sociedade

Outro dia fui comprar um sapatinho de festa para minha filha e tive dificuldade para achar o modelo que eu queria e a numeração dela. A moça da loja me explicou que de alguns anos para cá esses sapatos têm saído muito rápido, porque os pais estão levando cada vez mais os bebês para eventos sociais. Essa conversa despertou em mim a vontade de avaliar as razões ligadas à afirmação da vendedora...
Primeiro pensamento - Será que os pais da nova geração estão mais desencanados? Se antes havia a preocupação de não expor as crianças aos “perigos” da noite, agora é legal a pirralhada desfilar seus looks em casamentos, aniversários, jantares e formaturas. Os novos pais estão menos conscientes ou mais relaxados?
Segundo pensamento - Com a crise econômica, muita gente não tem mais condição de ter uma ajudante fixa em casa ou babá. As novas regras de contratação dessas funcionárias, inclusive, estão eliminando as horas extras de trabalho. Assim, os pais não podem deixar o menino dormindo para apro…

Fraldas descartáveis x Fraldas de pano

Na semana passada, rolou uma conversa interessante no Facebook e fiquei empolgada para escrever a respeito. Minha prima, uma gravidinha super fofa, lançou uma pergunta na time line dela para saber a opinião de outras mães. Arquiteta e preocupada com a questão da sustentabilidade, ela queria saber se valeria a pena usar fraldas de pano "modernas". As opiniões ficaram divididas... 
Bem, vou listar aqui alguns aspectos considerados pelos "ajudantes" on line (estou no bolo!) da minha prima, para resumir o que eu penso: acho que ela deve se jogar nas fraldas descartáveis!!! 
1. No início, o bebê gasta de 8 a 10 fraldas por dia. Será que alguém aguenta lavar isso tudo? Mesmo mesclando o uso, parte de descartáveis e parte de pano, acho um trabalho fenomenal (e olha que, definitivamente, não sou uma mulher preguiçosa!).  
2. Mesmo que a mãe tenha uma ajudante, será que essa pessoa vai lavar como deve as fraldinhas? A falta de empenho na atividade prejudicaria a saúde do bebê.…

Resultado do sorteio - porta de maternidade!

Queridos leitores! É com muita alegria que comunico o nome da vencedora do sorteio do blog Essa Mãe em parceria com a Vidarte!

ALESSANDRA RAMOS!!!

Alê, você tem 30 dias para entrar em contato com a gente através do e-mail ingriddragone@gmail.com. Assim, você receberá direitinho as instruções para retirar o seu brinde!
Parabéns!!! Felicidade pra você e Rafa!