Pular para o conteúdo principal

Escritora lançará livro para incentivar os pais a anotarem falas dos pequenos

Você já pensou em reservar um caderninho só para anotar as "pérolas" do seu filho? A administradora, escritora e publicitária Silvana Oliveira tem esse hábito desde que Sofia, hoje com 8 anos, começou a falar coisas interessantes e engraçadas. Aos poucos os registros ganharam espaço na internet. A FanPage "Faladas de Sofia" tem hoje mais de sete mil curtidas e o conteúdo vai sair da tela do computador para as folhas de um livro independente, com previsão de lançamento em dezembro. O Blog Essa Mãe traz a notícia com exclusividade e mostra aqui o bate-papo com a mamãe inspiradora! 


Conheça a página no Facebook! Eu adorei!

Blog Essa Mãe - Por que você começou a fazer o registro das falas da sua filha?
Silvana - Sempre me diverti muito com o pensamento e a lógica das crianças. Quando meus filhos começaram a falar coisas divertidas eu adorava contar e minha mãe buzinava no meu ouvido: anote tudo senão você esquece. Dito e feito, o que eu não anotei ficou perdido no tempo.

Blog Essa Mãe - Por que a ideia de divulgar essas falas na internet?
Silvana - Eu sempre compartilhei as coisas engraçadas dos meninos, principalmente quando reuníamos a família e os amigos. Todos adoravam e me incentivavam a fazer um livro. Em 2010, quando iniciei minha conta no Facebook, comecei a postar de maneira despretensiosa, mas o feedback era muito legal e imediato. As pessoas pediam para postar mais. Como a produção de Sofia era constante, eu ia postando e ganhando likes. Até que as pessoas, quando me encontravam na rua, me diziam que acompanhavam as coisas que eu escrevia dela e adoravam meus posts. No início de 2015, resolvi fazer a página no Facebook apenas para manter o registro, para que ela pudesse ter acesso quando crescer, mas acabou sendo mais do que isso.

Tô passada!

Blog Essa Mãe - O que Sofia acha desses registros?
Silvana - Ela e Rafa, o irmão que atualmente está com 13 anos, curtem demais a ideia, mas ela não liga muito. O que ela quer mesmo é brincar. Muitas vezes eles pedem para rever as faladas dos dois e passamos momentos de muita risada juntos com essas lembranças.

Blog Essa Mãe - Com esses registros ao longo dos anos, você percebeu traços da personalidade de Sofia se confirmando ou acentuando?
Silvana - Sim, claro! Sofia tem um espírito livre, uma perspicácia aguçada, um espírito de liderança e uma veia dramática. Tudo isso está presente nas faladas dela. Um detalhe interessante é que o livro vai ter um anexo com uma subcapa e um espaço escrito “faladas de...”, para a mãe colocar o nome do filho, um lugar para colocar uma foto dele, e umas páginas pautadas para o início dos registros. Essa é a verdadeira recordação da infância. Quando a criança apresenta questionamentos, ela já vai mostrando um pouco da sua natureza, se é uma criança bem-humorada, se é atenciosa, se é perspicaz.  



Fofura!

Blog Essa Mãe - Por que passar da internet para um livro?
Silvana - Além de atender a pedidos, também é uma realização pessoal que, aos poucos, está se tornando uma realização profissional.

Blog Essa Mãe - O livro sai mesmo em dezembro?  
Silvana - Assim espero (risos). No momento, estou trabalhando em uma campanha em um site de financiamento coletivo para ajudar na finalização do livro. Quem quiser colaborar, basta acessar: www.kickante.com.br/campanhas/faladas-de-sofia-o-livro-0. 


Morri com essa!

Blog Essa Mãe - Por que você acha que conseguiu tantos seguidores na internet com esse conteúdo?
Silvana - Acredito que pela identificação das mães e pais. Eles passam por situações semelhantes com filhos tão falantes. Acho que todos deveriam fazer os registros. O tempo passa muito rápido.

Blog Essa Mãe - O que é mais interessante nessa tarefa dos registros?
Silvana - Perceber a beleza da ingenuidade e da espontaneidade das crianças. Depois que nos tornamos adultos precisamos medir as palavras, temos vergonha de perguntar o que não sabemos. Enfim, poder se expressar sem medo de ser julgado é uma delícia e só é possível na infância.


Que amor!!!

Leia também:






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dezesseis dicas para ajudar o bebê a dormir melhor

Uma das coisas que deixam qualquer mãe muito cansada (e até estressada) é o sono intranquilo ou irregular do bebê. Na verdade, é impossível criar uma receita infalível e adaptável a todos os casos, pensando em fazer a criança dormir melhor. Os bebezinhos, como nós, são pessoas (!), com suas dificuldades, manias, vontades e particularidades. Para tentar ajudar quem está passando por essa fase de noites mal dormidas, vou listar alguns truques simples, todos testados com minha filha e com bons resultados. Anote aí!

1. No início, o bebê tende a trocar o dia pela noite. Assim, desde que ele nasce, é bom ensinar o que é dia e o que é noite. Durante o dia ele deve cochilar com a luz natural e acostumado com todos os sons da rotina da casa. Já à noite, defina um horário, escureça o quarto (pode ser parcialmente, se preferir) e diminua o volume. Fiz isso com minha filha, definindo o game over às 20h. Coincidentemente ou não, é o horário que ela dorme diariamente até hoje (ela tem 10 meses).
2. O…

Campanha Lave as Mãos para Pegar no Bebê!

Atenção, mamãe! Não ligue se a sua visita (gente da família ou não) torcer o nariz por "precisar" lavar as mãos para pegar no seu bebê. Percebi que, especialmente, as pessoas mais velhas apresentam maior resistência a esse tipo de pedido, acham frescura. Passar álcool em gel depois da lavagem das mãos? Colocar uma fraldinha em cima da roupa para carregar o bebê? Piorou ainda... E qual o seu papel nessa hora? Ser firme e zelar pela saúde do seu filho! 
Você sabia que existe o Dia Mundial da Higienização das Mãos? Pois é! Todo 05 de maio as campanhas se intensificam, lembrando que o simples ato de lavar as mãos previne doenças como infecção nos olhos, infecção estomacal e respiratória, gripes, resfriados, diarreia, doenças de pele, dor de garganta, infecção no ouvido e erupções na pele. Segundo a UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância) - instituição da ONU (Organização das Nações Unidas) - e a OMS (Organização Mundial da Saúde), é possível reduzir em até 40% a incidênc…

Fotos do seu filho que você não deve postar nas redes sociais

Está rolando nesta semana uma brincadeira nas redes sociais chamada "Desafio da Maternidade". Trata-se de uma corrente em que as mães marcam outras dez grandes mães, assim por elas consideradas, em suas linhas do tempo do Facebook para que cada uma poste três fotos de momentos que foram marcantes para elas no quesito "ser mãe". O assunto gerou um pouco de polêmica e até há uma suspeita de que a tal corrente tenha sido criada por um grupo de pedófilos para a "coleção" de novas fotos de crianças e divulgação dessas imagens em sites "indevidos". Boato ou não, a questão é que cada mãe toma sua própria decisão sobre postar ou não as fotos dos seus filhos nas redes sociais. Bem, a ideia deste texto é apenas orientar as mamães sobre que tipos de fotos dos pequenos nunca postar. 


1. Não poste fotos do seu filho nu - Não interessa se na imagem ele está tomando banho, trocando a fraldinha, ou experimentando uma roupa nova. Os pedófilos gostam de procurar f…