Trocando figurinhas

A nova polêmica sobre o primeiro banho do bebê

13:06

Pais e profissionais da área de saúde têm discutido recentemente a prática de dar o primeiro banho no bebê assim que ele nasce. A questão é que o procedimento faz a retirada do vérnix caseoso, uma substância gordurosa esbranquiçada que recobre o corpo do bebê e que, segundo estudos atuais, quando absorvida, protege a criança de futuras doenças de pele. E qual o polêmica envolvida no assunto? Por quantas horas o recém-nascido deve ficar sem tomar banho para que a absorção do vérnix esteja garantida...

Imagem da Internet

Com a nova recomendação, algumas mães têm optado por dar o primeiro banho no bebê 24 horas após o nascimento e outras, somente após o umbigo cair, o que, em muitos casos, acorre até 30 dias após o nascimento.

Bem, eu, Ingrid Dragone, mãe de segunda viagem em breve, jornalista e blogueira de maternidade, nunca conseguiria deixar um filho meu tanto tempo sem tomar banho, embora não julgue quem tenha feito essa escolha. Acho que o banho relaxa e ajuda no bem-estar do bebê, especialmente num clima quente como o nosso. Já até tomei a minha decisão com relação a isso, baseada numa palestra que assisti há pouco. A palestrante, uma pediatra que vem estudando bastante o tema, explicou que nada comprova que a absorção do vérnix demore tanto para acontecer. Conforme suas pesquisas, a médica recomendou que o primeiro banho ocorra seis horas depois do parto, tempo suficiente para que a substância seja absorvida pela pele da criança. Portanto, farei assim com meu príncipe. 

De qualquer forma, a decisão fica a critério de cada família. O importante é estar informado sobre os cuidados com o recém-nascido, ponderar os prós e os contras, conversar com um bom pediatra, e ficar confortável com a própria escolha.


Instagram: @blog.essamae



You Might Also Like

0 comentários

Que bom ter a sua participação! Volte sempre!

Like us on Facebook